Dia dos Namorados: 45,2% dos clientes devem gastar mais que em 2023

A maioria planeja gastar entre R$ 50 e R$ 300 em presentes, comprando itens em pequenos estabelecimentos, segundo pesquisa ACSP/PiniOn. No interior, associações comerciais apostam em promoções e ações para ajudar lojistas

Redação DC
10/Jun/2024
  • btn-whatsapp
Dia dos Namorados: 45,2% dos clientes devem gastar mais que em 2023

Neste Dia dos Namorados, que será comemorado na próxima quarta-feira (12/06), 33,6% dos consumidores pretendem comprar presentes para a data, e 45,2% planejam gastar mais do que em 2023. Os dados são da pesquisa de intenção de compras da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), realizada pela PiniOn com 1.716 consumidores de todo o Brasil. 

Por outro lado, 44,5% responderam que não têm intenção de fazê-lo, enquanto 28,6% pretendem gastar menos. Outros 21,9% não sabem. Em relação ao ano passado, diminuiu levemente a proporção dos que manifestaram intenção de compra, e aumentou dos que não pretendem adquirir presentes.

No que diz respeito ao nível de gasto, a grande maioria continua planejando gastar entre R$ 50 e R$ 300, embora essa porcentagem tenha subido em relação à pesquisa do ano passado, atingindo 81,6%.

Assim como em 2023, a pesquisa revelou que a maioria das compras será realizada em pequenos estabelecimentos (45,2%) e em lojas físicas (60,7%).

Na tabela a seguir, confira as categorias de bens e serviços incluídos nas intenções de compra dos entrevistados, além da forma de pagamento preferida, seja à vista (dinheiro, cartão ou PIX) ou parcelado. Vale destacar que cada entrevistado pôde escolher mais de uma opção de presente.


ITENS MAIS PROCURADOS

Assim como em 2023, nas intenções de compra prevalecem artigos de uso pessoal e de menor valor, pagos à vista - o que é normal para a data. Ao contrário do Dia das Mães, onde além desses presentes, se somam móveis ou eletrodomésticos.

A intenção de compra de roupas e calçados diminuiu (31,2%), ficando ainda mais abaixo do registrado no período pré-pandemia (60%/70%).

Presentes de uso pessoal, como itens de beleza, joias e bijuterias, são sempre populares para o Dia dos Namorados, representando cerca de 50,3% das preferências. Chocolates e bombons, que somam 21,6%, continuam na lista de presentes, mesmo após a Páscoa. Agora aparecem itens que não apareciam antes da pandemia, como cestas de café da manhã e delivery de refeições. 

Segundo o economista da ACSP, Ulisses Ruiz de Gamboa, as intenções de compra para o Dia dos Namorados não apresentaram diferenças significativas em relação ao ano passado, embora ainda reflitam algumas mudanças nos hábitos de consumo ocorridas durante a pandemia.

“De qualquer forma, a maioria dos entrevistados que manifestaram intenção de comprar presentes para a data estão dispostos a gastar mais e preferem realizar suas compras em pequenos estabelecimentos e de forma presencial. Isso seria muito positivo para o varejo tradicional”, afirma. 

NO INTERIOR

Algumas associações comerciais do ecossistema da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) já estão se movimentando para o Dia dos Namorados. Confira:

Santo André - Na cidade do ABC Paulista, as vendas para o Dia dos Namorados deverão aumentar cerca de 9% em relação às de 2023, prevê a Associação Comercial e Industrial de Santo André (ACISA).

Segundo o presidente Evenson Robles Dotto, o comércio local está otimista, já que essa é uma data importante para o varejo, pois não são só namorados que comemoram, mas também os casados.

"Além disso, a cidade vem se tornando um grande polo gastronômico e acreditamos que o movimento nos restaurantes deverá seguir uma projeção ainda maior, na ordem de 30%”, destaca. 

Lá, segundo levantamento da ACISA, os produtos mais procurados para o público feminino devem ser itens de perfumaria e cosméticos, vestuário, chocolates e flores - corroborando a pesquisa ACSP/PiniOn. Já entre o público masculino, a aposta fica por conta de vestuário, perfumaria e artigos esportivos.

Mogi das Cruzes - No comércio da cidade, por sua vez, a data promete "aquecer" a região, com aumento nas vendas entre 5% e 7%, segundo a Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC).

De acordo com a presidente Fádua Sleiman, a data "mais apaixonante para o comércio mogiano" tem se consolidado como uma das principais datas do calendário varejista local, e por ser celebrado na quarta-feira, aumenta as chances de o comércio faturar.

“Muitos casais estendem as comemorações para o fim de semana, por isso, além da busca pelos presentes, os bares e restaurantes devem registrar um grande movimento nesses dias”, reforça. 

A queda nas temperaturas registrada nos últimos dias, e a chegada do inverno devem ser um mais um fator positivo para a previsão de vendas. “As lojas de roupas e calçados são algumas das mais buscadas no período - o que ajuda a vender a coleção de outono/inverno. Outros segmentos como de floricultura, perfumaria e joalheria também estão na preferência dos casais”, apontou a presidente. 

Para essa edição, o tíquete médio dos presentes na região de Mogi deve ficar em R$ 150,00, estima a ACMC. As pessoas que forem às compras no comércio mogiano neste 12 de junho poderão concorrer à campanha Campeão de Prêmios, promovida pela ACMC. Para participar, é preciso adquirir R$ 60,00 em compras nas lojas participantes, preencher o cupom e concorrer a um aparelho de fondue elétrico e um aquecedor. 

Sorocaba - Apostando no aumento das vendas para o Dia dos Namorados, a Associação Comercial de Sorocaba (ACSO) já vem premiando consumidores, vendedores e empresários locais. 

Com o sorteio "ACSO Premia Você", a associação comercial local já premiou pelo menos 10 consumidores com caixas de som, vouchers para jantares no valor de R$ 300 e vouchers vale-compras de R$ 700. Já os vendedores das lojas participantes, onde os consumidores premiados compraram, recebem vouchers vale-compras no valor de R$ 200, e os proprietários dos estabelecimentos no valor de R$ 300.

Franca - Para facilitar o dia dos lojistas da região com dicas de vendas e ações de marketing para o Dia dos Namorados, a Associação Comercial e Industrial de Franca (ACIF) liberou box de marketing gratuito. O conteúdo traz e-book com estratégias para o comércio, e peças para utilização nas redes sociais. Os interessados podem fazer o download de todo o material acessando este link.

“O box aborda estratégias desde o estoque até o atendimento ao cliente e elaboração de estratégias dentro do ponto de vendas que podem aumentar o ticket médio da empresa”, explica a coordenadora de marketing da ACIF, Thaís Ferrari. Já os materiais para as redes sociais vêm prontos para utilização, para que cada empresa personalize a legenda, e contextualize dentro da sua campanha. 

Além do e-book e peças promocionais, a Agência ACIF tem preparado vídeos com dicas e informações para obter maior desempenho comercial nas rede, com os temas "como usar o Instagram, WhatsApp Business como estratégia de vendas e a importância da página do Facebook" - também gratuitos. 

 

IMAGEM: Freepik

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

Conheça os projetos que buscam requalificar o Centro de SP

Conheça os projetos que buscam requalificar o Centro de SP

Os impactos da IA no mercado de trabalho

Confira como foi a festa dos 100 anos do DC