São Paulo, 24 de Maio de 2017

Além disso, as empresas terão de comunicar ao banco, presidido por Maria Silvia Bastos Marques, qualquer problema ou indício de irregularidade que identifiquem nos projetos

comentários

O ministro Henrique Meirelles informou que setores que fazem uso intensivos de mão de obra continuarão com o benefício. Para Alencar Burti, presidente da ACSP, fim da desoneração vem em momento inoportuno

comentários

O Supremo julgou improcedente ação de empresa que pedia mudança na base de cálculo da contribuição patronal

comentários

Ministério da Fazenda confirmou que terá que adotar medidas para garantir o cumprimento da meta fiscal e cobrir o rombo de R$ 58,1 bilhões do orçamento

comentários

Atualmente, 54 setores são beneficiados pela medida que vigora desde 2011, entre eles, tecnologia da informação, hoteleiro, construção civil, call center e transportes.

comentários

Devem utilizar essa opção os contribuintes que receberam valores envolvendo pensões em geral, ações trabalhistas e aposentadoria, por meio de depósitos judiciais

comentários

A estimativa é da consultoria de risco Eurasia, que aposta que essa será a saída do governo, pois há pouca margem de manobra para redução de gastos

comentários

Se fossem consideradas apenas as receitas obtidas com tributos, o resultado seria negativo

comentários

Se trabalho terceirizado comprovar vínculo com empresa contratante, Justiça pode dar ganho de causa para o trabalhador, de acordo com especialistas

comentários

“Impostos, uma vez que sobem, jamais caem”, afirma Alencar Burti, presidente da ACSP e da Facesp, ao comentar a hipótese de elevação de tributos pelo Ministério da Fazenda

comentários

5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15