São Paulo, 01 de Outubro de 2016

Para Armando Castelar Pinheiro, economista da FGV, recuperação de verdade depende do setor de serviços, que ainda não reagiu

comentários

Para economistas da Associação Comercial de São Paulo, apesar da redução do PIB no segundo trimestre, a velocidade da queda está arrefecendo

comentários

Essa foi a previsão do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, ao apresentar o Projeto de Lei Orçamentária Anual. O salário mínimo previsto para o ano que vem é de R$ 945,80

comentários

Embora ajude no controle dos preços, a manutenção da taxa Selic em níveis elevados prejudica a economia

comentários

Nos sete meses do ano, o rombo chegou a R$ 35,6 bilhões, contra superávit de R$ 6,205 bilhões, em igual período de 2015

comentários

A necessidade de financiamento do Brasil alcançou R$ 7,1 bilhões no segundo trimestre, inferior aos R$ 43,6 bilhões do segundo trimestre do ano anterior

comentários

A boa notícia é que, no setor de serviços, houve aumento do nível ocupacional, com geração de 34 mil postos de trabalho ou 0,6%

comentários

O consenso entre especialistas é que o contingente de desempregados aumentará ao menos até o fim deste ano

comentários

Com o resultado, o Produto Interno Bruto acumula queda 4,6% no ano; comércio caiu 0,8% no segundo trimestre em comparação com o primeiro

comentários

No mês passado, o déficit primário foi de R$ 18,552 bilhões, valor 2,5 vezes superior que o déficit de R$ 7,144 bilhões registrado em julho do ano passado

comentários

2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12