São Paulo, 30 de Setembro de 2016

/ Tecnologia

Facilidade para organizar sua agenda em 2015
Imprimir

Kit Eaton, do The New York Times, analisa três aplicativos com calendários interativos que vão ajudá-lo a organizar suas tarefas

Os smartphones se tornaram gerenciadores de calendário e planejadores de eventos mais finos e mais inteligentes do que as opções disponíveis no passado. Mas nem todos os aplicativos de calendário são a mesma coisa. O Sunrise é o meu preferido. Em vez de ser simplesmente um calendário antigo em formato digital, ele tem recursos que provam que um calendário potente conectado à internet pode fazer de você uma pessoa muito mais organizada.

O calendário exibe muitas informações de uma vez só. Você pode checar suas entradas de duas maneiras: através de uma visualização semanal resumida, que lista os próximos eventos em uma longa lista de rolagem; ou através de uma visualização detalhada da agenda de compromissos, que mostra vários dias em formato de coluna em que as horas aparecem verticalmente na página. Isso significa que com apenas um toque você tem uma atualização rápida do que está programado para a semana e pode ver ainda o que está previsto para as próximas horas ou para a tarde de amanhã.

Introduzir um novo evento no Sunrise é tarefa simples e objetiva. O aplicativo tem um recurso que permite ao usuário identificar uma entrada do calendário com um ícone correspondente ao evento — datas de "Café" e de "Reunião" formal estão entre as opções possíveis.

O aplicativo faz a sincronia automática com vários programas de calendário, inclusive com programas do Google, Apple e Microsoft, além de aplicativos como o Eventbrite, serviço online de ingressos. Ele resgata também datas de aniversário de amigos do Facebook, e se você conectá-lo à sua conta do LinkedIn, o Sunrise poderá inclusive exibir o rosto dos participantes de uma reunião.

O Sunrise tem uma longa lista de eventos predefinidos que você poderá acrescentar ao seu calendário — desde feriados nacionais a eventos mais específicos, como corridas de Fórmula Um. Alguns usuários de Android se queixam do widget do Sunrise, mas no iOS ele se integra perfeitamente ao menu de Notificações de acesso rápido da Apple.

Pouca coisa desagrada no Sunrise, embora, às vezes, eu gostaria de poder mudar seu esquema de cores predefinido para torná-lo mais compatível com minhas preferências. O aplicativo é gratuito para iOS e Android.

O Tempo Smart Calendar, aplicativo gratuito para iOS, é outro exemplo excelente da inteligência embutida em um aplicativo de calendário.

O Tempo inicia como um planejador de tempo dotado de vários recursos, mas ele vai muito além disso. Como o Sunrise, o Tempo tem telas limpas que tornam simples, e quase prazeroso, o trabalho de ler o que consta da agenda e de acrescentar novos eventos. Ele se integra também a uma ampla variedade de serviços e aplicativos para calendários.

O Tempo tem uma série de características adicionais. Você pode se conectar gratuitamente a uma teleconferência através de uma parceria com a Speek, start-up especializada em teleconferências, e falar com até cinco participantes; pode postar votos de feliz aniversário para os amigos do Facebook sem sair do aplicativo, além de visualizar mapas e indicações de percursos.

O melhor de tudo é que o aplicativo pode acrescentar eventos ao seu calendário em linguagem comum — basta digitar alguma coisa do tipo "Tomar café com Kenton amanhã às 11", para que o aplicativo automaticamente entenda o que você quer dizer e acrescente um evento. Pode-se usar o sistema de entrada por voz da Apple para tornar esse processo ainda mais natural.

O aplicativo tem alguns outros recursos interessantes também, como a capacidade de adicionar fotos à tela de fundo; já os controles baseados em gestos são muito intuitivos. Falta a possibilidade de personalizar mais o visual e o feeling, mas isso é o de menos.

O Fantastical 2 é outro aplicativo para iPhone que oferece penduricalhos semelhantes aos do Tempo. Ele tem, por exemplo, uma interface de leitura fácil e recursos como entrada de eventos em linguagem natural, porém o Fantastical 2 é um aplicativo mais dedicado ao planejamento da agenda com ênfase em seu excelente sistema interno de lembretes. Se você se interessou pelo aplicativo, então o preço de 5 dólares que terá de pagar por ele está de bom tamanho.

No Android, o aplicativo Calendar, do Google, vem com a assinatura e o feeling da empresa. É um calendário extremamente funcional que se integra totalmente aos demais serviços do Google, conforme era de se esperar. Mas, se você não for fã do design algumas vezes estranho do Google, o Cal é um excelente alternativa grátis.

O Cal tem um visual lindo que incorpora menus minimalistas e fundo com fotos que tornam sua experiência com o calendário mais pessoal. Ele também se integra perfeitamente ao aplicativo de listas de coisas por fazer Any.do, portanto você pode monitorar suas listas de tarefas e agenda ao mesmo tempo.

Às vezes, o aplicativo reage um pouco devagar e você tem de dar vários toques ara criar um novo evento. Além disso, o acesso total ao Any.do é pago, mas o aplicativo é gratuito, por isso vale muito a pena dar uma olhada. Também está disponível para iOS.

Uma última menção vai para o Calendars 5, da Readdle. É o aplicativo mais caro de todos apresentados aqui, custa 7 dólares para aparelhos com iOS, mas ele tem recursos muito bons.

Divirta-se preenchendo sua agenda com esses aplicativos, mas lembre-se do que disse um sábio: "Nunca há tempo suficiente para fazer todo o nada que queres" — e isso é uma coisa que não se pode planejar.

PARA TERMINAR

Terraria, um jogo de aventura bem conhecido com soluções gráficas de estilo retrô e alguns recursos inteligentes que vão fazer você se lembrar de "Minecraft", passou por uma atualização radical. Foram adicionados ao jogo mais de 1.000 itens novos e 100 novos inimigos, além de outros acréscimos e modificações. O preço é de US$ 5 para iOS e Android.

(The New York Times/Syndicate)



O impacto da paralisação nos resultados é cada vez menor, por causa da digitalização das transações, via computadores e do celulares

comentários

Após o desapontamento dos consumidores e investidores, a marca de Steve Jobs aposta na nova edição do iPhone e do Apple Watch (foto). Os lançamentos chegam nos primeiros países em 16 de setembro. O Brasil não está na lista.

comentários

Novas tecnologias possibilitam detectar o comportamento dos consumidores para viabilizar ações de marketing e comunicação

comentários