Tecnologia

Vem aí a versão WhatsApp para empresas


Novo recurso do aplicativo promete simplificar a comunicação com os clientes e criar uma presença oficial para empresas dentro do aplicativo


  Por Thais Ferreira 18 de Setembro de 2017 às 13:00

  | Repórter tferreira@dcomercio.com.br


O WhatsApp se tornou uma ferramenta indispensável para alguns comerciantes e empreendedores. Realizar vendas, prospectar clientes e agendar serviços e reuniões são apenas alguns dos usos do aplicativo.

O Teddy’s, e-commerce que vende artigos para festa, é um bom exemplo desse fenômeno. Desde que a empresa foi fundada, há cerca de um ano, o WhatsApp faz parte dos canais de venda.

“Além de ajudar a tirar dúvidas sobre frete e prazos de entrega, aproveitamos o contato por WhatsApp para oferecer outros produtos para compor uma mesa de festa”, afirma Tuane Moraes, fundadora do Teddy’s. “Usamos o aplicativo para mandar os boletos de pagamento ou passar os dados para o depósito bancário.”

Além disso, Tuane também utiliza a ferramenta para realizar o pós-venda e garantir que o cliente recebeu e gostou dos produtos.

Um dos principais benefícios é a rapidez da comunicação. Hoje, 30% das vendas do Teddy’s são feitas pelo aplicativo.  

De olho nesse potencial tanto para pequenas empresas quanto para grandes negócios, o WhatsApp (aplicativo comprado pelo Facebook em 2014) decidiu criar uma atualização para atender especificamente aos negócios.  

A empresa acredita que hoje a comunicação entre as empresas e consumidores é feita de forma rudimentar. As novas ferramentas devem tornar essa comunicação mais oficial e segura. 

TEDDYS
ÍTENS DO TEDDY`S: APP RESPONDE POR 30% DAS VENDAS

Em comunicado, a empresa anunciou que as novas soluções devem atender as necessidades de empresas de diversos portes. Tanto aquelas que têm necessidades globais, quanto as que atendem aos consumidores locais.

As novas funções devem facilitar o contato com um grande volume de clientes. A nova ferramenta também pretende diferenciar os usuários comuns das empresas.

 

 

 “O WhatsApp simplificou a comunicação para as pessoas no mundo todo. Agora, queremos aplicar a mesma abordagem ao levar negócios ao WhatsApp”, afirmou em nota Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp. “Estamos entusiasmados em conectar pessoas às empresas de maneira rápida e pessoal.” 

 Por enquanto, o WhatsApp Business está em fase de testes. A primeira empresa a testar a ferramenta no Brasil será o Itaú Unibanco.

Os testes devem começar em breve com os clientes Personnalité Digital. O banco pretende expandir o uso aos poucos para os demais correntistas.  

A ideia é criar uma comunicação mais ágil entre os clientes e os gerentes digital. Posteriormente, a empresa a adotará o aplicativo para mandar notificações para os usuários.

"Esse piloto é a primeira iniciativa do Whatsapp para o desenvolvimento de uma solução corporativa oficial do aplicativo", afirmou o Itaú Unibanco em nota. "Os gerentes de contas Personnalité Digital usarão a solução corporativa como um dos canais para contato com os clientes". 

De acordo com informações do WhatsApp, a principio a ferramenta será gratuita para as empresas. Mas já estuda criar um modelo de cobrança. Os valores e prazos, por enquanto, não estão definidos.

Tuane acredita que se a nova ferramenta trouxer os benefícios para o Teddy’s, ela estaria disposta a pagar pelos novos serviços. Agora, os empreendedores terão que esperar para testar as novas ferramentas. 

FOTO: Thinkstock