São Paulo, 11 de Dezembro de 2016

/ Economia

Produção da indústria paulista volta a cair
Imprimir

Levantamento do IBGE mostra queda em março em cinco das 14 regiões pesquisadas. Em São Paulo a indústria já acumula recuo de 5,4% no primeiro trimestre

A produção industrial do Estado de São Paulo recuou 0,8% em março, na comparação com fevereiro, segundo informações divulgadas nesta terça-feira (12/5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

A indústria paulista, a mais diversificada do país, já acumula queda na produção de 5,4% no primeiro trimestre e de 6,8% nos últimos 12 meses.

São Paulo foi uma entre cinco regiões que apresentaram queda na produção na passagem de fevereiro para março. As outras foram Ceará (-3,1%), Pernambuco (-2,2%), Menos Gerais (-2,5%) e Paraná (-2,3%). 

O levantamento do IBGE envolveu 14 regiões. O resultado da média obtida nessas regiões mostra que a produção industrial nacional recuou 0,8% entre fevereiro e março. No acumulado do ano a indústria brasileira já registra um recuou de 5,9% na produção. 

Ainda no acumulado no primeiro trimestre a maior queda na produção foi registrada no Amazonas, com recuo de 17,8% na comparação com igual período do ano passado. A indústria dessa região tem sido pressionada pelo desempenho ruim dos setores de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos e de bebidas.

Por outro lado, a indústria do Espírito Santo experimentou avanço de 20,9% em igual comparação impulsionada pelos setores extrativos e de metalurgia.

 



Pesquisa do IBGE mostra que a redução em São Paulo foi de 2,4% na passagem de setembro para outubro

comentários

Pesquisa mostra que recursos aplicados pelas empresas nessa área ainda se encontram em patamares baixos

comentários

...o movimento de melhora relativa do indicador da FGV abre apenas a possibilidade de uma redução no ritmo de queda dos investimentos produtivos nos próximos meses

comentários