São Paulo, 28 de Abril de 2017

/ Brasil

ESPECIAL | Como o empreendedorismo evolui nas favelas paulistanas
Imprimir

Conheça os empreendedores bem-sucedidos estabelecidos em comunidades da periferia paulistana

Só no Estado de São Paulo as comunidades na periferia, as favelas, têm 3,8 milhões de moradores – destes, alguns andam escrevendo suas próprias histórias de empreendedorismo e novos negócios.

Para apresentar esse universo, o Diário do Comércio preparou um especial completo, com vídeos, textos e infográficos contando tudo sobre esses novos empresários. Perfil, dados e tudo o mais que você precisa saber está aqui.

Clique para ler, ver e ouvir o especial Os Negócios da Quebrada.

 



Programa do Sebrae terá piloto em comunidades, como a de Paraisópolis (foto) e irá identificar moradores com perfil empreendedor, incentivar a formalização de pequenos negócios e promover capacitação empresarial

comentários

Boa localização, 94 caixas para evitar filas, estacionamento com 1,2 mil vagas, resposta ágil às reclamações da clientela, financiamento da compra e preço baixo levam o Andorinha a crescer na Vila Nova Cachoeirinha

comentários

Pesquisa da Fundação Perseu Abramo, na periferia paulistana, encontra valores mais próximos do liberalismo econômico, com apelo de menos Estado e menos impostos

comentários